O que é modelo de negócio e por que você deveria prestar atenção.

  • by

Quando você lê por aí artigos falando de IoT, Indústria 4.0 ou Inteligência artificial você vai inevitavelmente se deparar com o termo modelo de negócio logo ao lado. Bem, novas tecnologias abrem novos mercados, novas formas de entregar valor e por isso costumam estar relacionadas. 

Isso é fácil de entender, o que não é tão fácil assim é recriar seu modelo de negócio. Isso requer muita organização e esforço. Mas para começar temos que responder uma pergunta. O que é um modelo de negócio.

O que é um modelo de negócio

Para deixar todos na mesma página, eu vou oferecer uma descrição curta sobre o que é um modelo de negócio. É verdade que existem muitos frameworks e definições (Teece, Chesbrough, Baden-Fuller & Morgan, Magretta, Zott &Amit etc) a maioria traz uma versão muito acadêmica. 

O modelo que eu vou trazer aqui é o St. Gallen Business Model Navigator que é baseado em modelos práticos que podem sustentar mais facilmente a execução. Ele tem quatro dimensões. 

1° dimensão – Quem é o seu cliente 

Para entender seu modelo de negócios, você precisa entender o cliente. Por isso, o cliente aparece no centro do modelo de negócios. Suas necessidades e dores são o motor do negócio. 

2° dimensão – O que você entrega aos clientes 

Aqui, descrevemos a proposta de valor – o que realmente você oferece ao cliente e como resolver seus problemas.

3° dimensão – Como a oferta é criada 

Para entregar uma proposta de valor, você precisa executar uma série de processos e atividades usando seus recursos para entregar resultado. 

4th dimension: Por que? 

Por último, o custo de estrutura e as receitas vão te ajudar a determinar por que (e se ) esse é um modelo viável.

Responder essas perguntas vai te ajudar a ter uma direção concreta de como estruturar um modelo de negócio. Quando começamos a mudar as dimensões de um projeto já estabelecido é que falamos de inovação em modelos de negócio. Por exemplo, se você mudar o “O QUE” é uma inovação de produto, enquanto se você mudar o “COMO” será uma inovação no processo. 

Por que modelos de negócio? 

Antes de qualquer coisa também é importante entender porque trabalhar com modelos de negócio ajuda as empresas a inovarem. Para isso, nós precisamos dar um passo para trás e olhar todo o cenário. 

O que nos torna humanos é  linguagem. A linguagem nos permite compartilhar experiências, histórias e conhecimento com outras pessoas. Se tornando assim a fundação em que a sociedade que conhecemos funciona. 

Falando conseguimos expressar ideias e criar entendimentos comuns que antes não existiam. Essas estruturas só funcionam quando nos comunicamos: leis, religiões, ciência, dinheiro e assim por diante. Mas, todas as coisas construídas pela linguagem só funcionam enquanto as pessoas acreditarem e aderirem a elas. Yuval Harari chama esse fenômeno de imaginação coletiva e mostra que é isso que permite que milhões de indivíduos consigam cooperar. São muitos os exemplos: católicos indo numa cruzada juntos apesar de não se conhecerem, soldados arriscando as vidas uns pelos outros por acreditarem no ideal de nação e assim por diante. 

Ainda assim Harari diz “[…] nenhuma dessas coisas existe foram das histórias que contamos uns para os outros. Não existem deuses, nações dinheiro ou justiça exceto na nossa imaginação coletiva. 

Podemos dizer que modelos de negócio funcionam também nessas bases. Eles são um conceito sobre como empresas funciona. Falando e trabalhando sobre esse conceito conseguimos ver a lógica do funcionamento mais claramente. Nós conseguimos separar as partes mais importantes, pensar em como mudaremos outros pedaços e, mais importante, nos permitir imaginar novas possibilidades que nos permitem agir. 

Fundadores precisavam de uma linguagem simples para traduzir sues negócios para investidores. Assim se tornou mais fácil visualizar e alterar páginas do que com um modelo de 30 páginas de modelo de negócio. 

Um dos aspectos mais importantes quando trabalhamos modelos de negócios é a libertação do pensamento saindo do pensamento convencional. 

Trabalhar modelos de negócio nos ajudam a ter uma visão 360° da companhia com todas as suas peças vitais, problemas e , mais importante, permite o processo de criação de ideias. 

Quer começar a ter mais ideias de modelos de negócio? Conheça os 50 cards de inovação para modelo de negócios com exemplos práticos de como as empresas tem inovado e monetizado com novos produtos e processos. 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *